sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Egípcios lutam por democracia




Um comentário:

Anônimo disse...

Pois é,só aqui que não acontece nada.